Paciência

Paciência
Paciência – Homem pescando | Foto: Andreas / Pixabay

Estamos sem paciência, estamos ansiosos, buscamos soluções imediatas, a vida moderna nos roubou os momentos de contemplação, os momentos de ócio, pensamos e refletimos pouco e por isso erramos muito, não temos tempo para analisar e pesar as variáveis envolvidas no processo antes de tomar as nossas decisões, divorciamos no primeiro conflito, na primeira rusga doméstica, e lançamos pelo ralo da intolerância todas as juras de amor.

Não temos tempo para aguardar o desenvolvimento adequado de nossos filhos, queremos resultados, eles ainda estão na infância e já os vemos na universidade, eles ainda não sabem arrumar as suas camas e já os vemos casados e com família constituída.

Lançamos a semente na terra ontem e hoje já esperamos colher os frutos, nem bem ingressamos no mercado de trabalho e já sonhamos com a aposentadoria.

- Publicidade -

Estamos sem paciência, e a dinâmica dos dias modernos nos roubou a dádiva do momento, do instante. Aguardamos ansiosamente pelo final de semana e esquecemos de viver durante os outros dias.

Pare, pense, desfrute e aproveite a vida nos seus instantes importantes, no agora, sem perder de vista o planejamento adequado e coerente do amanhã, sob pena de perdermos o sentido para a vida, e não gozarmos do belo e magnífico momento chamado “agora”.

Milhões de pessoas sofrem com distúrbios de toda ordem, e em geral, tudo começa com a ansiedade, ela é o estopim para a depressão e outras mazelas da mente, essa celeridade não nos faz bem, portanto durma, respire fundo, desacelere, não se preocupe tanto com o amanhã, basta a cada dia o seu mal.

Essa ansiedade reflete a ilusão do controle do futuro, na verdade não temos controle de absolutamente nada, desde o nascimento até a morte, não escolhemos o dia desses eventos, não temos controle do tempo, da natureza, o máximo que podemos fazer é tentar minimizar os efeitos dos acontecimentos sobre nossas vidas, o resto nos foge, as surpresas, as chuvas, o pneu furado, a demissão imprevista, o divórcio não programado, o acidente não evitado, as doenças que nos afetam, os contratempos da vida.

Portanto, planeje, estude, se dedique, e tenha o devido empenho nas suas tarefas e no seu dia a dia, porém sem perder de vista que somos limitados e que dependemos de Deus.

Confiar nossas vidas a Deus, deve ser a primeira providência para uma existência tranquila e de boa qualidade.

Descanse em Deus, Ele sempre tem o melhor para nós e podemos andar ao seu lado confiantes na sua bondade e fidelidade, e ao contrário de nós meros mortais, Ele tem o controle de tudo.

Jesus disse: “Não andeis, pois, inquietos, dizendo: Que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos?” (Mt 6.31). “Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas” (Mt 6.33)

Façamos a nossa parte e deixemos que Deus faça a sua em nossas vidas. Acalme seu coração e viva um dia de cada vez, desfrute do momentos únicos que a vida proporciona e não se esqueça que Deus está no controle e Ele não desampara a quem ama.


DEIXE UM COMENTÁRIO
Siga Seara News no Twitter, no Facebook e Instagram
“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo”
Se encontrou algum erro, ou deseja sugerir uma pauta, falar conosco. Clique aqui!

2 COMENTÁRIOS

  1. Pastor Carlos Alberto com uma palavra sempre sábia e vinda do coração de Deus. É um prazer sempre lhe ouvir. Deus continue abençoando seu ministério e sua chamada!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui