Vídeo mostra cinco países mais perigosos para ser cristão

Cinco países mais perigosos para ser cristão
Foto Paquistão: O Paquistão (5º na Lista) tem sido alvo constante de ataques a bomba contra centros cristãos. Na foto, mães choram a morte de seus filhos durante um dos ataques em um parque em Lahore, em 2016.

Os cinco primeiros países da Lista Mundial da Perseguição intensificaram a perseguição religiosa no primeiro semestre de 2018

Segundo dados da Portas Abertas, organização mundial de apoio ao cristão perseguido, hoje, existem cerca de 215 milhões de cristãos perseguidos em todo o mundo (com diferentes graus de violência e pressão). Anualmente, a organização publica 50 principais países em que manter a fé cristã pode custar a vida

Os números podem parecer exagerados, mas a pesquisa realizada há 25 anos é minuciosa e conta com a auditoria das principais universidades da Europa. Segundo dados da pesquisa, países da África representam um terço desses países e têm seus conflitos principalmente motivados pela guerra civil e, sobretudo, pelo comando de grupos islâmicos extremistas, como Boko Haram, Seleka e Al Shabaab, que atuam intensivamente na região.

Um dos objetivos de se monitorar a situação religiosa dos países é para que a Portas Abertas defina onde sua ajuda é mais urgente. Sua atualização é feita considerando-se os acontecimentos e o ambiente religioso do país ao longo do ano anterior.

Você encontra a lista completa no site da Portas Abertas – clique aqui.

Neste momento, lembramos os 5 países em que seguir a Jesus pode custar a vida:

1º Coreia do Norte
2º Afeganistão
3º Somália
4º Sudão
5º Paquistão

O vídeo traz atualizações sobre os países e o que faz com que eles sejam os países mais perigosos para se exercer a fé cristã.

Para fazer o download do vídeo, clique aqui.

Assista ao Vídeo

DEIXE UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome