Uma liderança que não faz discípulos, não promove o crescimento do Reino de Deus!
Uma liderança que não faz discípulos, também não promove o crescimento do reino de Deus! | Foto: Reprodução

A importância de preparar discípulos é fundamental, porque eles serão os sucessores dos seus líderes.

Por Jhones Bazelatto

“Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos” (Mateus 28.19-20).

Jesus deu uma ordem imperativa aos seus seguidores, para que eles, além de propagar o seu evangelho para todas as demais localidades, também cumprissem a responsabilidade de fazer discípulos, e suas lideranças não viessem a ser infrutíferas.

“Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, […]”.

Em observação a este texto encontramos a importância da formação de lideres, para que o evangelho tenha um maior alcance sobre a humanidade. Os líderes devem preparar e treinar seus liderados! Esse foi o exemplo que Jesus demonstrou na formação dos seus discípulos.

A importância de preparar discípulos é fundamental, porque eles serão os sucessores dos seus líderes. Observe que Jesus, em 3 anos de ministério, teve a preocupação de preparar discípulos, para serem seus “sucessores” na propagação do Reino de Deus. Na história vemos que Jesus iniciou, mas quem deu continuidade a grande obra que ele havia iniciado foram os seus discípulos. Por isso, é importante a formação dos liderados.

Ser líder não é ter um título ou cargo, ser líder é ter seguidores! Não existe líder se não existirem liderados, e vice-versa. Ambas as partes trabalham em coletividade. Uma liderança que não faz discípulos é totalmente estéril, não tem utilidade para o Reino de Deus, pois o propósito da formação de discípulos é proporcionar crescimento e expansão do evangelho. Quanto mais discípulos forem feitos mais pessoas serão alcançadas!

Infelizmente, algumas lideranças já deixaram de cumprir essa ordem imperativa de Cristo há muito tempo. Bem disse Myles Munroe, (in memoriam) pastor e palestrante bahamiano, que foi um autor de best-sellers: “Se tudo o que você fizer morrer contigo, você é um fracasso. A verdadeira liderança é medida pelo o que acontece depois que você morrer. É por isso que verdadeiros líderes não investem em templos, Jesus nunca construiu um templo, os verdadeiros lideres investem em pessoas. Por que? – Porque sucesso sem um sucessor é fracasso. O legado de um líder deve ser em pessoas, pois o seu maior ato como um líder, é ser um mentor”.


DEIXE UM COMENTÁRIO 
Siga Seara News no Twitter, no Facebook e Instagram
“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo”

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui