SBB apresenta a Bíblia Nova Almeida Atualizada

0
427
SBB apresenta a Bíblia  Nova Almeida Atualizada
Imagem ilustrativa (Seara News)

Fruto de quatro anos de trabalho, a revisão da tradução Almeida Revista e Atualizada, uma das preferidas pelos leitores brasileiros, será lançada no dia 8 de novembro, em São Paulo (SP).

A Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) apresentará, no dia 8 de novembro, a conclusão de um trabalho de fôlego, abrangendo a revisão de uma das traduções mais lidas e queridas pelos cristãos brasileiros, a Almeida Revista e Atualizada (RA). A revisão, que recebeu o nome de Nova Almeida Atualizada (NAA), é fruto de quatro anos de trabalho e marca o início das comemorações previstas para 2018, quando serão celebrados os 70 anos da SBB e o segundo Ano da Bíblia no Brasil – uma década depois da celebração do primeiro. A cerimônia de lançamento será às 19h, na Primeira Igreja Presbiteriana Independente de São Paulo (Rua Nestor Pestana, 136 – Consolação), na capital paulista.

Publicada com exclusividade pela SBB, a Almeida Revista e Atualizada (RA) atravessou 60 anos sem ter sido submetida a uma revisão mais profunda. A recomendação das Sociedades Bíblicas Unidas (SBU), aliança mundial da qual a SBB faz parte, é que isso seja feito a cada 25 anos. O trabalho de revisão, capitaneado pela SBB, contou com a colaboração das igrejas cristãs, que puderam se manifestar tanto no lançamento do projeto, em 2012, como, mais efetivamente, a partir da edição experimental do Novo Testamento, Salmos e Provérbios, em 2016, já com o texto revisado.

“As pessoas tiveram um ano para examinar e nos dar um retorno. Recebemos com alegria muitas sugestões e pedidos que nós, na medida do possível, tratamos de acolher. E foram opiniões muito válidas, o que faz com que esse projeto de revisão seja de fato das igrejas”, destaca Vilson Scholz, consultor de Tradução da SBB, responsável pela coordenação do trabalho.

- Publicidade -

No entendimento de Scholz, por melhor que fosse o texto da RA, ainda era oportuno e apropriado fazer uma nova revisão, uma nova atualização. “Queríamos melhorar o que já era excelente, porque a língua portuguesa mudou. Nós temos hoje muito mais consciência de que existe um jeito brasileiro de usar, escrever e falar o português”, justifica.

Os parâmetros da revisão foram definidos em conjunto com especialistas da SBB e representantes de diferentes denominações cristãs. “O propósito da revisão da Almeida Revista e Atualizada é que o leitor diga: ‘Isso é Almeida, e isso eu entendo!’.” Ou seja, as principais melhorias foram feitas com o objetivo de tornar o texto mais compreensível, sem perder o estilo clássico desta tradução”, explica o consultor.

Diferenciais

Sobre os diferenciais da Nova Almeida Atualizada, Scholz avalia que talvez o mais importante seja mesmo o aspecto da compreensão, por isso a equipe sempre se preocupou com quem vai ler e ouvir. O resultado do trabalho é um legado: “para as novas gerações, para os nossos filhos, para os nossos netos, para que eles terem o texto clássico de Almeida de uma forma compreensível, sem terem que recorrer ao dicionário”, observa.

Tradução

A tradução é fiel aos textos originais, sendo baseada nas edições mais recentes dos textos bíblicos nas línguas originais (hebraico, aramaico e grego). Seu texto é ideal para uso na igreja, para ler em voz alta, bem como para leitura, memorização e estudo pessoal. O estilo segue a norma padrão do português culto escrito no Brasil nos dias de hoje.

Texto bíblico da Nova Almeida Atualizada

Tradução de João Ferreira de Almeida – Edição Revista e Atualizada® 3ª edição.

Assim, a Nova Almeida Atualizada tem linguagem atualizada sem abrir mão do vocabulário e sintaxe eruditos, riqueza de estilos literários, além de legibilidade e sonoridade. Todos esses predicados, tão apreciados pelo leitor de Almeida, continuam presentes na Nova Almeida Atualizada.

Para Scholz, “o maior desafio desse trabalho foi fazer com que, mesmo atualizado para o português escrito no Brasil do Século 21, o texto mantenha a sonoridade do texto de Almeida”.

Confira, a seguir, algumas das principais melhorias:

  • Substituição de termos que exigem consulta ao dicionário. Exemplo: “irrisão” (Jó 12.4), que aparece na ARA, foi substituído por “motivo de riso”, sem perda de significado.
  • A segunda pessoa (“tu” e “vós”) foi mudada para “você” e “vocês”, a não ser em orações e nos Salmos.
  • Uso da ordem de palavras que é natural em português, em vez da ordem que é natural em hebraico e grego (“respondeu a mulher” ® “a mulher respondeu”).
  • Preservação dos níveis literários distintos e do estilo de diferentes escritores. O leitor poderá perceber o estilo mais popular de Marcos, a simplicidade de João, a lógica de Paulo e o estilo elevado de 1Pedro e Hebreus, entre outros.
  • A poesia bíblica é tratada como poesia também na apresentação gráfica.
  • Adoção, sempre que possível, de frases mais curtas.
  • Unidades de peso (siclos, talentos etc.), de medida (côvados, estádios etc.) e de capacidade (efas, batos etc.) foram convertidas para pesos e medidas que são mais conhecidos e usados pelos leitores de hoje (gramas, metros, litros etc.).
  • Foi incluído um sistema de referências cruzadas mais amplo, incentivando os leitores a lerem a Bíblia à luz da própria Bíblia.
  • Especial atenção à apresentação gráfica, procurando priorizar os parágrafos e deixar claro onde há diálogo.

 Serviço

Lançamento da Nova Almeida Atualizada (NAA)

Data: 8 de novembro de 2017
Horário: 19h
Local: Primeira Igreja Presbiteriana Independente de São Paulo
Endereço: Rua Nestor Pestana, 136, Consolação (clique para abri o mapa)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui