17.8 C
Vila Velha

Resolução de convenção evangélica veta o uso de TV e outros costumes

EM FOCO

Edenin Pontes Neto
Capixaba, natural de Vitória-ES.
Resolução de convenção evangélica veta o uso de TV e outros costumes
Pr. Sebastião Rodrigues de Souza, Presidente da AD em Cuiabá, COMADEMAT. (Foto: Reprodução)

O texto da resolução determina que os membros das igrejas filiadas à COMADEMAT se abstenham de alguns costumes.

Presidida pelo pastor Sebastião Rodrigues de Souza, a COMADEMAT divulgou a Resolução da Mesa Diretora nº 04/2019 para reafirmar sua posição acerca de usos e costumes.

A Convenção dos Ministros e das Assembleias de Deus no Estado do Mato Grosso, difere dos costumes de outras convenções. Muitas igrejas tradicionais já liberaram o uso de calça por parte das mulheres, jogar futebol e até mesmo o divórcio.

O texto pede aos membros das igrejas filiadas à COMADEMAT para se absterem de alguns costumes.

Aos homens, fica proibido o uso de cabelos compridos ou cortes extravagantes. Além do uso de barba grande, cavanhaque, brinco, piercings, shorts, bermudas e camisetas regatas que também não são permitidos.

Para as mulheres fica proibido usar “traje masculino”, roupa curta, roupa transparente e decotes exagerados. Também foi vetado cortar os cabelos, fazer uso de pinturas e sobrancelhas desenhadas.

Ambos os sexos devem se abster de assistir televisão e praticar qualquer tipo de jogo (até mesmo bola). Também devem se abster de usar bateria nos cultos e os “divertimentos mundanos”, incluindo o cinema.

As recomendações veem acompanhadas de versículos de I Coríntios 11.14 e 15, além de I João 2.15 e 2 Timóteo 2.25 e 26.

Pastor Sebastião Rodrigues de Souza, é o atual 1º vice-presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB).

Reafirmação dos princípios

Na resolução, o pastor justifica que o que consta no documento, são princípios estabelecidos como doutrina na Palavra de Deus. São conservados como costumes desde o início da obra no Brasil.

Destaca-se no referido documento em relação a assistir TV, que o ato pode ser uma barreira entre a Igreja e o Lar.

Resolução de convenção evangélica veta o uso de TV e outros costumes
Resolução da Mesa Diretora nº 04/2019, COMADEMAT. (Foto: Reprodução)
Adaptado com informações do JM Notícia.

_____________________________________________________
Siga Seara News no Twitter, no Facebook Instagram
“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo”

- Publicidade -

LEIA TAMBÉM

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -
www.AutoPECAS-online.Pt

LEIA TAMBÉM