Reforma do Estatuto e do Regimento Interno da CGADB, aprovada pelo plenário da 8ª AGE
As Reformas do Estatuto e do Regimento Interno da CGADB foram aprovadas pelo plenário da 8ª AGE em Belém (PA), nesta quarta-feira (10), no Centro de Convenções Pr. Francisco Alves Ribeiro da COMIADEPA.

Com alterações substanciais, os ministros da CGADB aprovam a Reforma do Estatuto Social e do Regimento Interno, durante a 8ª AGE, em Belém (PA)

O pastor José Wellington Costa Junior, presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB), iniciou as atividades convencionais na manhã desta quarta-feira (10), retornando às discussões sobre a reforma do Estatuto Social da CGADB, conforme pauta da AGE.

Entre os assuntos tratados, a Mesa Diretora, com a aprovação do plenário, decidiu pela retirada da pauta que trata sobre o ‘Tribunal de Ética e Disciplina’, ficando para posterior discussão junto aos pastores presidentes de convenções estaduais e seus respectivos representantes jurídicos.

A discussão de todos os pontos, as reformas do Estatuto e do Regimento Interno da CGADB foram concluídas e aprovadas às 17h30, com moção de louvor e salvas de palmas ao presidente da instituição, pastor José Wellington Costa Júnior, pela forma como conduziu as reuniões da AGE.

“Em que pese todas as tratativas se revestem de debates às vezes acalorados, porém, em alto nível de respeito, cordialidade, espírito parlamentar e acima de tudo de comunhão cristã”, comentou em seu blog Point Rhema, o pastor Carlos Roberto Silva, líder da Assembleia de Deus em Cubatão (SP), e presidente da Convenção de Ministros das Assembleias de Deus no Estado de São Paulo e outros – COMADESPE.

Reforma do Estatuto e do Regimento Interno da CGADB, aprovada pelo plenário da 8ª AGE
Mesa Diretora da CGADB e Presidentes das Convenções Estaduais e Regionais, no Centro de Convenções Pr. Francisco Alves Ribeiro da COMIADEPA (Foto: CGADB)

AS ALTERAÇÕES MAIS RELEVANTES FORAM:

TED – Tribunal de Ética e Disciplina

– Não houve consenso no momento, portanto foi retirado da pauta e será apreciado futuramente em um ELAD com a Comissão de Reforma, Mesa Diretora e Presidentes de Convenções, para posterior apreciação da Assembleia Geral. Por enquanto permanecem as atribuições do Conselho de Ética e Disciplina – CED.

Conselho Nacional da Juventude – CNJ

– Aprovado por unanimidade para tratar de eventos que promovam edificação para a juventude assembleiana.

Regras para reconhecimento de novas Convenções Regionais

– 05 (cinco) anos de fundação;
– Ter no mínimo 500 (quinhentos) ministros filiados;
– Pela Mesa Diretora após Parecer do Conselho Regional, ouvidas as convenções já existentes no estado da pretendente.

Eleição da Mesa Diretora

– As futuras eleições serão “POR CHAPA” e “sem limite” para reeleição;
– Continuarão online, porém durante a realização da própria AGO.

Rede Assembleiana de Ensino – RAE

– Foi aprovada por unanimidade a criação da RAE – Rede Assembleiana de Ensino, que fomentará e cuidará de toda a área educacional, a partir das nossas crianças.

Editora CPAD

– Foi criada uma nova empresa, a CPAD Distribuidora, que cuidará da distribuição de toda a literatura produzida pela Editora CPAD, bem como de outras de interesse geral, mantendo-se a Editora CPAD focada na produção de conteúdo denominacional.

_____________________________________________________
Siga Seara News no Twitter, no Facebook e Instagram
“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo”

1 COMENTÁRIO

  1. Por que o cargo de Pastor presidente é vitalicio nas Assembleias de Deus? Por que existe o nepotismo nas Assembleias de Deus? Por que a assunção de cargo para Pastor Presidente não é feito através de Eleição? Existe algum setor na Convenção que fiscaliza as Assembleias de Deus? E os abusos cometidos? Quem controla isso?

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui