Pr. Saeed Abedini retorna à prisão

0
25

Depois de passar dois meses em um hospital iraniano, o Pr. Saeed Abedini foi removido e levado de volta à prisão Rajaj Shahr. A transferência aconteceu sem qualquer aviso prévio e membros da família confirmaram que ele foi duramente espancado durante sua estadia no hospital.

Pr. Saeed Abedini retorna à prisãoAs expectativas eram que tão logo o representante da União Europeia deixasse o Irã, o pastor seria transferido de volta para a prisão. Porém, Saeed Abedini permaneceu no hospital pelos últimos dois meses até que finalmente foi obrigado a retornar à sua cela. A razão para a transferência não está clara e, de acordo com os membros da família, um dos guardas que se envolveu na transferência mencionou as questões nucleares iranianas como um possível motivo.

"Isto é extremamente desapontador e parte meu coração", disse Nagmeh Abedini, esposa do Pr. Abedini. "Nossa família está profundamente entristecida e continua a orar por Saeed – por sua segurança e libertação. Nós somos gratos às muitas pessoas que continuam a orar por Saeed ao redor do mundo".

Quando o Pr. Saeed foi transferido para o hospital em março desse ano, ele foi inicialmente algemado por guardas que o atacaram violentamente. Também foi negado a ele o tratamento médico e a visita dos familiares. Desde então e nas semanas que se seguiram, a sua situação no hospital melhorou. Membros da família tiveram permissão para vê-lo e ele teve acesso a refeições nutritivas.

O Pr. Saeed, que é cidadão americano, completou 34 anos em 7 de maio e seu retorno à prisão ocorre enquanto esforços em todo o mundo continuam clamando por sua liberdade. Aproximadamente 260 mil pessoas de várias partes do mundo assinaram a petição por sua libertação promovida pelo Centro Americano para Lei e Justiça (ACLJ, sigla em inglês).

Fonte: Portas Abertas

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome