PORTAS ABERTAS: 40 ANOS DE BRASIL

PORTAS ABERTAS: 40 ANOS DE BRASIL

A jornada da Portas Abertas no Brasil começou em 1970, quando a história de Anne van der Bijl, conhecido como Irmão André, no livro O Contrabandista de Deus fez arder o coração de Elmira Pasquini.

Hoje a Portas Abertas está presente em mais de 60 países, buscando apoiar cada vez mais os mais de 215 milhões de cristãos perseguidos ao redor do mundo. Esse apoio é feito de diversas formas, como distribuição de Bíblias, treinamento, ajuda emergencial e oração, entre outros.

O trabalho daquele jovem holandês, de atravessar fronteiras detrás da Cortina de Ferro em seu fusca azul repleto de Bíblias, surpreendeu Elmira. Logo, ao encontrar-se com o Irmão André em 1972 na Áustria, ela lhe perguntou: “Quando o irmão irá para o Brasil?”. Sua resposta imediata foi: “Ore”.

Três anos mais tarde, em 1975 no mesmo local, novamente encontrou-se com irmão André e lhe perguntou: “O irmão ainda não resolveu quando irá ao Brasil?” Sua resposta imediata foi: “A irmã não orou o suficiente.”

Dois anos depois, em 1977, o Irmão André pregava para centenas de pessoas em igrejas brasileiras. Ofertas espontâneas foram levantadas em prol da Igreja Perseguida durante essas visitas. Ao serem entregues ao Irmão André, o fundador da Portas Abertas respondeu que o melhor destino para aquele dinheiro seria começar o escritório da Portas Abertas Internacional no Brasil.

Assim, um ano depois, no dia 1º de maio de 1978, era formalizada e instituída a Portas Abertas no Brasil, afiliada da Open Doors International. Durante um bom tempo, a organização funcionou na casa da Irmã Elmira. Hoje, com sede em São Paulo, emprega mais de 40 colaboradores, conta com quase 600 voluntários oficiais e mais de 30 mil parceiros.

O objetivo da missão desde o início é encorajar a igreja brasileira a orar, apoiar e se engajar no serviço aos cristãos perseguidos por meio de oração e contribuições financeiras.

MOTIVO DE CELEBRAÇÃO

O grande motivo de celebração é que Deus tem nos usado como instrumento em suas mãos para capacitar cristãos a ser luz em meio à escuridão. Fazemos isso ouvindo as necessidades dos irmãos, identificando os problemas e seu contexto para, então, divulgar essa realidade para a igreja ao redor do mundo e planejar o socorro à Igreja Perseguida.

Tudo o que fizemos ao longo desses 40 anos foi com esse propósito: levando Bíblias a quem precisa, dando conforto a vítimas de perseguição, possibilitando vida em comunidade nos lugares mais desafiadores do mundo e treinando cristãos para não se desviarem das Escrituras. Tudo isso para manter viva a igreja nos lugares mais hostis desse mundo.

O EVENTO

Para comemorar seus 40 anos, a Portas Abertas Brasil realizará um culto de gratidão a Deus.

DATA: 5 de maio
HORÁRIO: 19h30
LOCAL: Igreja Batista Boas Novas
ENDEREÇO: Rua Marechal Malet, 611 – Parque da Vila Prudente – São Paulo.
ENTRADA FRANCA

PRESENÇAS CONFIRMADAS

O culto contará com a presença dos cristãos perseguidos da Índia, Pastor Samuel e Aaron, do CEO da Portas Abertas Internacional, Dan Ole Shani, e dos ministros de louvor Adhemar de Campos e Gerson Borges.

Para saber mais, acesse:
www.portasabertas.org.br/40anos

[ Informações da Assessoria de Comunicação / Portas Abertas ]

DEIXE UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome