Por que Jesus veio como homem?
Foto: Ilustrativa/Reprodução

O fato de Adão ter sido formado primeiro, aparentemente não muda nada, porque Eva foi formada a partir de Adão, da mesma matéria.

Por Jhones Bazelatto

Deus não faz acepção de pessoas! Jesus veio em forma de homem porque esse gênero foi um representativo melhor, ou existe algo mais que precisamos saber? Tanto Adão como eva são a imagem e semelhança de Deus.

O fato de Adão ter sido formado primeiro, aparentemente não muda nada, porque Eva foi formada a partir de Adão, da mesma matéria. “E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou” (Gênesis 1:27).

1) A figura do homem não é superior a da mulher em nenhum aspecto de humanidade, porém as funções referente aos gêneros são diferentes.

A exemplo que na cultura antiga a mulher cuidada da família (criação de filhos e administração do lar) e o homem trabalhava para manter a família.( Soldado civil ou trabalhador rural).

O homem nas “escrituras” exercia mais o papel de liderança do que a mulher que exercer o papel de pacificadora.

Outro exemplo que sustenta essa afirmativa está no nome de Deus no hebraico transliterado “YHWH” – de forma abreviada YH.

  • A palavra (homem) no hebraico – שיא transliterado – ish
  • A palavra (mulher) no hebraico השא transliterado – isha
  • ish tem um yod (י) a mais do que isha, mas não tem hé (ה)
  • isha contém hé (ה), mas não um yod (י)

Se unirmos as duas letras que distinguem o homem da mulher (e que representam simbolicamente os seus órgãos sexuais), temos o nome de Deus abreviado no hebraico: ה י – transliterado YH.  Exemplo:

  • Letra própria do nome do homem no hebraico: י
  • Letra própria do nome da mulher no hebraico: ה
  • O Nome de Deus abreviado no hebraico: ה י
  • A conexão dessas duas letras simboliza: a imagem e semelhança de Deus pode ser projetada na união do homem e da mulher!
2) A colocação mais objetiva se tratando desse mistério revelado nas escrituras sobre Jesus ter manifestado no “gênero masculino” pode está correlacionado a seguintes acertivas:

Cumprimento das profecias a respeito de um homem que os governaria.

  • Antigo Testamento –  “Mas tu, Belém-Efrata, tão pequena entre os clãs de Judá, é de ti que sairá para mim aquele que é chamado a governar Israel. Suas origens remontam aos tempos antigos, aos dias do longínquo passado” (Miqueias 5:1).
  • Novo testamento – “Tendo, pois, Jesus nascido em Belém de Judá, no tempo do rei Herodes, eis que magos vieram do oriente a Jerusalém” (Mateus 2:1).
    Ambas expressam a figura de Jesus como homem para governar. Conforme a profecia de Isaías 9; que descreve a incarnação de Jesus na forma de um Homem.
3) Jesus se manifestou como o homem porque é descrito nas escrituras tipologicamente como “cabeça”, que está implícito ao seu papel de condutor, liderança, provisão e cuidado.

Por essa razão Jesus venho na figura de um homem, pois ele é o:

  • (.) Nosso condutor. – Por meio dele somos direcionados ao pai – “Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim” (João 14:6)
  • (.) Nosso líder. – “Nem vos chameis mestres, porque um só é o vosso Mestre, que é o Cristo” (Mateus 23:10).
  • (.) Nosso provedor. – E o meu Deus, segundo a sua riqueza em glória, há de suprir, em Cristo Jesus, cada uma de vossas necessidades” (Filipenses 4:19).
  • (.) Nosso cuidador. – “Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós” (1 Pedro 5:7).
4) Algumas razões pelas quais Jesus jamais viria no gênero feminino, visto que o seu manifesto na terra está ligado a governo e liderança.

a) A liderança feminina dentro do contexto cultural e judaico era rejeitado. – Consta na Talmud – Tratado Meguilá 23-A: Eram constituídos sete pessoas para a leitura da torä no Shabat, apenas homens Mas disseram os Sábios: Uma mulher não era convidada para fazer parte dos setes sobre alegação de respeito ao público, visto que essa responsabilidade era dada ao homem. (Por certo Jesus seria privado de seus ensinos por mais divinos e bem aventurados fossem, teria resistência devido o fato de ser uma mulher).

A exemplo dessa cultura em 1 Co 14:34-38 onde as mulheres não poderiam participar de algumas reuniões para não apresentar supostamente um conceito de autoridade sobre o homem.

b) Se fosse manifestado no gênero feminino logo seria recluso mensalmente devido os períodos de menstruação – O fluxo de sangue também a tornava impura segundo a Lei Mosaica (Levítico 15:19). Dessa forma, aquela mulher enfrentava uma série de privações religiosas e sociais, Ela jamais poderia ir ao Templo em Jerusalém. (Como Jesus pregaria nós templos? Conforme os textos que dizem que todos os dias ele estava no templo: Lc 21:37,38; Mt 21:23; Mc 11:27; Jo 18:20).

c) Os evangelhos, cuja forma propaga uma autografia da pessoa de Jesus aos quais passaram a ser escritos 25 anos depois da sua ressurreição com objetivo de preservar sua história como evidência real, não seria muito aceito perante a sociedade sobre o gênero feminino, devido o testemunho de uma mulher não ser aceito na cultura judaica.

Essas são algumas considerações que uso para defender a razão de Jesus ter se manifestado em natureza sobre gênero masculino.


DEIXE UM COMENTÁRIO 
Siga Seara News no Twitter, no Facebook e Instagram
“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo”

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui