Por favor, não seja religioso

0
131

“Ai de vocês, mestres da lei e fariseus, hipócritas! Vocês limpam o exterior do copo e do prato, mas por dentro eles estão cheios de ganância e cobiça” (Mateus 23.25).

Por favor, não seja religioso

por Joyce Meyer

Jesus costumava corrigir os líderes religiosos do Seu tempo porque embora eles fizessem muitas obras boas, eles as faziam pelos motivos errados. Uma abundância de obras religiosas nem sempre significa que a pessoa que as está realizando está próxima de Deus. Creio que a atividade religiosa pode nos impedir de ter um relacionamento íntimo com Deus e de ouvi-lo falar conosco.

Jesus morreu para abrir o caminho, para termos intimidade com Deus, e isso deve sempre vir antes de qualquer boa obra. É realmente possível fazer coisas religiosas enquanto nossos corações estão longe de Deus. Deveríamos frequentemente fazer uma “verificação dos nossos motivos”. No que se refere a obras religiosas, Deus está mais preocupado com o porquê fazemos as coisas do que com o que fazemos. Ele disse que a verdadeira religião é visitar, ajudar e cuidar das viúvas e dos órfãos nas suas aflições (ver Tiago 1.27). Deus quer que amemos e nos importemos de forma genuína com as pessoas que sofrem muito mais, do que deseja que tentemos impressionar uns aos outros com orações longas e eloquentes.

As pessoas religiosas fazem muitas coisas para aumentar a sua reputação em vez de simplesmente servirem a Deus. Elas podem se empenhar em todo tipo de boas obras, mas raramente ou nunca se empenham em realmente partilhar seus corações com Deus ou permitir que Ele partilhe o Seu com elas. Essas pessoas raramente ouvem realmente a voz de Deus ou desfrutam uma comunhão profunda com Ele.

A PALAVRA DE DEUS PARA VOCÊ HOJE: Coloque o foco no seu relacionamento com Deus, e não em ser religioso.

Fonte: Lagoinha

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome