Museu da Bíblia foi inaugurado em Santana do Parnaíba
O Museu da Bíblia está instalado na Arena de Eventos e irá funcionar de terça a domingo

Organizadas pela SBB, peças do universo bíblico estão expostas em espaço especialmente criado na Arena de Eventos do município da Grande São Paulo.

Uma parceria entre a Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) e a Prefeitura Municipal de Santana do Parnaíba resultou numa nova atração cultural para a cidade: o Museu da Bíblia (MuBi). Localizado na recém-construída Arena de Eventos, o MuBi foi inaugurado no dia 21 de outubro, em cerimônia que contou com a presença de representantes da SBB, autoridades governamentais e eclesiásticas, além de grande público.

Após expor o Plano de Metas para o biênio 2020-2021, o prefeito Elvis Cezar ressaltou a importância da inciativa: “Deixamos o melhor para o final. Vamos ter o privilégio de inaugurar o Museu da Bíblia em nossa cidade”, ele disse.

Em sua apresentação do novo espaço cultural, o diretor executivo da SBB, Erní Seibert, fez uma síntese da trajetória da organização no País, que tem como missão semear a Palavra que transforma vidas. “A Bíblia é conhecida como o Livro dos Livros, começou a ser escrita há mais de dois mil anos e passou por diversos formatos até chegar aos nossos dias”, ele destacou.

Segundo Seibert, o novo Museu da Bíblia é como uma lição de história, onde os visitantes poderão encontrar peças que retratam o universo bíblico de forma especial, como originais da Bíblia em hebraico, diferentes traduções, aromas e outras curiosidades contidas nas Sagradas Escrituras. “Tudo isto poderá ser visto neste pequeno espaço”, observou ele.

O diretor executivo lembrou ainda que a Bíblia, base da cultura ocidental, é o livro mais traduzido de todos os tempos, disponível em parte ou na totalidade em mais de 3 mil línguas. “É uma bênção a inauguração deste espaço porque chama a atenção para os valores fundamentais contidos na Palavra de Deus”.

A secretária de Cultura e Turismo, Fátima Muro, conta que a ideia de implantar um Museu da Bíblia na cidade surgiu há cerca de dois anos, por iniciativa do prefeito. “Desde então, nós estamos tentando materializar esse projeto e finalmente concretizou-se. Para nós, é um privilégio termos o Museu da Bíblia em Santana do Parnaíba”, disse ela, acrescentando que, além de divulgar a Palavra de Deus e a cultura cristã, o espaço será mais um produto turístico, que atrairá visitantes e mostrará um pouco mais da trajetória cristã no município. “Eu estou muito feliz com essa inauguração”, finalizou.

O Museu da Bíblia em Santana de Parnaíba é formado por quatro módulos, que reúnem as seguintes atrações:

Módulo 1 – Surgimento da Escrita

Este módulo retrata as formas de escrita de diversas civilizações antigas, desde a pictográfica, hieróglifos egípcios, demótico, além de textos da Bíblia nas línguas originais (hebraico, aramaico e grego) e suportes de escrita variados. Entre os objetos expostos, estão tábuas de madeira e pedra com parte dos Dez Mandamentos esculpidos, papiro com o Salmo 23 em hebraico, réplica da Pedra de Roseta, modelo ilustrativo de um Códex (livro encadernado) e réplica, em tamanho menor, da Torá que reúne os cinco primeiros livros da Lei.

Módulo 2 – Muitas línguas, uma mensagem

As traduções bíblicas são o tema deste módulo, que reúne exemplares emblemáticos como a Septuaginta, a Vulgata, Reina Valera e King James. Ali também estão expostas versões do Livro Sagrado em hebraico, grego, alemão, português e línguas de todos os continentes. Atualmente, a Bíblia completa, segundo fonte das Sociedades Bíblicas Unidas (SBU), está traduzida para 648 línguas; o Novo Testamento também está traduzido para outras 1.432 línguas; e porções da Bíblia já podem ser encontradas em outras 1.145 línguas, totalizando 3.225 línguas em que se pode ler a mesma mensagem.

Módulo 3 – Curiosidades Bíblicas

Muitos textos da Bíblia trazem informações de pessoas reais que viveram num local e num tempo histórico. Este módulo fornece recursos para proporcionar uma experiência marcante ao visitante, trazendo – pelo olhar, olfato, audição ou “toque imaginário’ – as curiosidades mencionadas na Bíblia. Ali estão reunidos, por exemplo, perfumes em vasos de cerâmica, com aromas citados nas Escrituras (nardo, aloés, mirra, cálamo, canela e rosa de sarom), espigas de trigo e palha de joio, sal do Mar Morto, um Novo Testamento à prova d´água, um quadro de Renato Amisy, retratando o primeiro milagre de Jesus – tela e escultura em 3D de porcelana, entre outras peças.

Módulo 4 – Uma Sociedade da Bíblia para todos

Uma história da Bíblia acontece ainda hoje, por iniciativas de distribuição, de fomento à leitura, de grupos de estudo, de inclusão social. No contexto das Sociedades Bíblicas, continua o empenho por tornar a Bíblia disponível em linguagem acessível, seja por meio de novas traduções ou da revisão de traduções existentes. Além disso, essa aliança mundial – que reúne 147 Sociedades Bíblicas no mundo – tem a missão de publicar a Bíblia para todos. Ou seja: atender às demandas de todos os segmentos da população, de uma forma que atraia sua atenção, numa linguagem que possam entender e a um preço que possam pagar. Entre os exemplares selecionados para este módulo, estão a Bíblia em Braile (45 volumes); LIBRAS – principais histórias da Bíblia em Língua Brasileira de Sinais (DVDs); Bíblias e porções para enfermos hospitalizados, detentos, estudantes (escolas); para dependentes químicos; e materiais acadêmicos, além de Bíblias em formatos digitais.

A SBB – Desde 1948, a Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) dedica-se a Semear a Palavra que Transforma Vidas. A SBB é uma organização beneficente, sem fins lucrativos, assistencial, educativa e cultural. Sua finalidade é divulgar a Bíblia e a sua mensagem, tornando-a relevante para todas as pessoas.


DEIXE UM COMENTÁRIO 
Siga Seara News no Twitter, no Facebook e Instagram
“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo”

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui