spot_img
Suprema Contabilidade
25 C
Vila Velha

Morre Beverly LaHaye, fundadora da Concerned Women for America – CWA

A fundadora da Concerned Women for America foi reconhecida pelo presidente Ronald Reagan por ter "alterado a paisagem política americana".

EM FOCO

Paulo Pontes
Paulo Ponteshttps://www.searanews.com.br
Fundador e CEO da Seara News Comunicação, jornalista, cidadão vilavelhense, natural de Magé (RJ), pastor, teólogo (Teologia Pastoral e Catequética), presidente do Diretório da SBB-ES, autor do livro Você Tem Valor.

Beverly LaHaye, uma discreta esposa de pastor que se transformou em uma ardente defensora da política cristã conservadora nos Estados Unidos, faleceu no domingo (14), aos 94 anos, em uma casa de repouso em El Cajon, Califórnia.

Em 1979, LaHaye fundou a Concerned Women for America (CWA), que se estabeleceu como a organização mais influente da direita religiosa.

Em uma ocasião memorável, o presidente Ronald Reagan enalteceu LaHaye como “uma das forças” do movimento conservador, afirmando que ela estava “alterando a paisagem política americana”.

Ela mobilizou as mulheres, a quem se referia como “minhas senhoras”, para enviar mais de 1.000 postais a um senador dos EUA que a havia menosprezado em uma audiência pública; 2.000 para apoiar um funcionário da administração republicana que foi flagrado vendendo armas ilegalmente ao Irã; 64 mil para endossar um candidato conservador controverso para a Suprema Corte dos EUA; e 778 mil para protestar contra uma emissora de TV que veiculou um anúncio de preservativos no horário nobre.

Segundo a historiadora Emily Suzanne Johnson, LaHaye “forneceu a muitas mulheres uma linguagem para entender o ativismo conservador feminino como absolutamente necessário”. Johnson acrescentou ao The Washington Post: “As mulheres têm sido a força motriz deste movimento de várias maneiras, especialmente a nível popular. Não tenho certeza se isso aconteceria sem Beverly LaHaye”.

Seu sucesso despertou a ira da esquerda, especialmente daqueles preocupados com os direitos LGBTQ. Em 1993, um porta-voz da Campanha dos Direitos Humanos a rotulou como “uma propagadora de ódio profissional”. LaHaye também se tornou objeto de fascínio para a grande mídia.

LaHaye apoiou seu marido, Tim LaHaye no ministério. Nos primeiros dias, quando ele servia congregações batistas em Pumpkintown, Carolina do Sul, e Minnetonka, Minnesota, o casal enfrentava dificuldades financeiras, levando Beverly a trabalhar fora de casa para sustentar a família. As coisas mudaram em 1956, quando Tim foi chamado para liderar uma igreja com 300 membros em San Diego, Califórnia. Sob sua liderança, a Scott Memorial Baptist cresceu e se tornou uma megaigreja.

Na Califórnia, Beverly, então com 27 anos, estava sempre disposta a assumir qualquer tarefa na igreja. Quando o cargo de secretária da igreja ficou vago, ela o ocupou. Quando a igreja precisou de alguém para dirigir a escola dominical, ela se ofereceu como voluntária.

Após seu filho mais novo completar 18 anos, Beverly começou a publicar livros. O livro que coescreveu com o marido em 1976, “The Act of Marriage” (O Ato Conjugal), tornou-se um best-seller. Este livro, descrito como “deliberadamente franco”, afirmava que “Deus nunca pretendeu que nenhum casal cristão passasse a vida inteira no deserto sexual do mau funcionamento orgástico”. LaHaye serviu como presidente da CWA até 2006 e se aposentou do conselho em 2020.

Seu marido faleceu em 2016, após 69 anos de casamento, e seu filho Lee faleceu no ano seguinte. Beverly LaHaye deixa para trás seus filhos Linda, Larry e Lori, além de 9 netos e 20 bisnetos.

Com informações de Chistianity Today

APOIE SEARA NEWS Clique AQUI!
“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo”
Baixe a Revista Seara News
- Publicidade -

LEIA MAIS...

2 COMENTÁRIOS

  1. A paz do Senhor! !Interessante a matéria sobre a irmã LaHaye grande defensora política da direita cristã conservadora. Parabéns por socializar uma importante liderança ativista citada até pelo presidente Ronald Reagan. Que exemplo de esposa de pastor, que pegou junto no arado sendo secretária da igreja e superintendente da EBD.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

LEIA TAMBÉM

ARTIGOS E DEVOCIONAIS

- Publicidade -
Suprema Contabilidade
- Publicidade -Anuncie em Seara News
- Publicidade -
Rádio Seara News