Liderança das Assembleias de Deus no Brasil selam acordo histórico
Mesa Diretora da CGADB – reunião no Windsor Guanabara Hotel, no Rio de Janeiro onde foi selado o acordo histórico entre as maiores lideranças da Assembleia de Deus no Brasil. Foto: Reprodução

Aconteceu o tão esperado acordo entre as maiores lideranças das Assembleias de Deus no Brasil

Por Paulo Pontes

A diretoria da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil – CGADB, se reuniu nesta quinta-feira (7) no Windsor Guanabara Hotel, no Rio de Janeiro, com o pastor Samuel Câmara, líder da Igreja Mãe em Belém do Pará, o pastor Jônatas Câmara, da AD em Manaus (AM), e o pastor Ivan Bastos, presidente da Confrateres (ES).

Diante de uma série de ocorrências de demandas judiciais, o objetivo da reunião era selar, entre as partes, o acordo tão esperado por todos os membros da instituição.

Os dois maiores líderes da centenária Assembleia de Deus no Brasil, pastor José Wellington Bezerra da Costa, e pastor Samuel Câmara, chegaram a um consenso, por meio do qual se comprometeram em retirar todas as ações que correm nas vias judiciais, dando fim a esse triste capítulo da história da denominação no pais.

Durante a reunião as partes envolvidas assinaram um termo de acordo, em clima espiritual, de paz e quebrantamento, com lágrimas e pedidos sinceros de perdão.

Conteúdo do Acordo

De acordo com o documento assinado pelas partes envolvidas, a Mesa Diretora da CGADB reintegra o pastor Samuel Câmara e o pastor Ivan Bastos ao quadro associativo da instituição, que por compensação, renunciam todos os recursos contra a Convenção Geral:

“A Convenção Geral, por intermédio da Mesa Diretora, torna sem efeito a decisão do desligamento e desistirá, por intermédio de seus procuradores, dos recursos junto ao Tribunal de Justiça em Manaus-AM interpostos contra a decisão que determinou a reintegração do Pr. Samuel Câmara nos quadros da CGADB, restabelecendo assim, em definitivo, seu registro junto ao órgão convencional e uso pleno dos direitos de associado, bem como em relação ao recurso quanto a decisão da reintegração do Pr. Ivan Pereira Bastos, o qual desiste do recurso administrativo contra a decisão da AGE que seria apreciado na AGO de 2017”.

“Pr. Samuel Câmara, Pr. Ivan Pereira Bastos e Confrateres, por seus procuradores, peticionarão em todos os processos e ações em que sejam parte (Manaus-AM, Belém-PA, Maceió-AL), desistindo das ações e respectivos recursos, especialmente junto a 1ª Vara Civil de Manaus Processo 0605658-14.2013.8.04.0001 relativo a cobrança da multa e bloqueio das contas da CGADB, CPAD, e Pr. José Wellington Bezerra da Costa, liberando qualquer bloqueio até então efetuado”

“A CGADB e Pr. José Wellington Bezerra da Costa, igualmente desistirão de recursos em andamento”.

 Repercussão

A notícia do acordo histórico ganhou as redes sociais, levando os milhares de membros e líderes da denominação celebrarem a reconciliação.

“Parabéns ao Pr. José Wellington Bezerra da Costa, ao Pr. Samuel Câmara e seus respectivos companheiros de chapa e aos pastores advogados que militavam nessas causas, assim como à CGADB e às Assembleias de Deus no Brasil”, escreveu o pastor Carlos Roberto da Silva, da AD Cubatão-SP, em seu blog Point Rhema.

“…Quebrantamento e pedido de perdão recíprocos, que podem significar um novo tempo de cura e restauração não só para a CGADB”, destacou o pastor Geremias Couto em uma postagem em seu blog.

“Essa é sem dúvida uma das grandes conquistas da igreja brasileira”, disse o Pr. Roberto Alencar, líder da AD Ciadseta, em Dois Irmãos.

Leia a íntegra do Termo de Acordo

Liderança das Assembleias de Deus no Brasil selam acordo

Liderança das Assembleias de Deus no Brasil selam acordo

Liderança das Assembleias de Deus no Brasil selam acordo

 

1 COMENTÁRIO

  1. Esperamos que este acordo em torno da Assembleia de Deus seja de fato real e que haja união entre os ministérios porque no céu não tem lugar reservado para Belém, Madureira, Ipiranga, Paulistana, Vitória em Cristo, Recife, Abreu e Lima e tantos outros, é uma vergonha uma Assembleia de Deus brigando com a outra, ou estou mentindo???

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui