26.1 C
Vila Velha

Liberdade Religiosa em Crise: exercitando sua fé em uma época de incertezas

O povo deve conhecer os seus direitos mais do que nunca, especialmente no que se refere à liberdade de exercer a religião.

EM FOCO

Paulo Roberto Ponteshttps://www.searanews.com.br
Fundador e CEO Seara News, jornalista, cidadão vilavelhense, natural de Magé (RJ), pastor, com formação em teologia pastoral e catequética, autor do livro Você Tem Valor.
Manifestação pela liberdade | Foto: Video CBNNews

O que era insondável nas primeiras duas décadas do século XXI tornou-se realidade. A liberdade religiosa, tanto nos Estados Unidos como em todo o mundo, está em crise.

Liberdade Religiosa em Crise: exercitando sua fé em uma época de incertezasÀ medida em que o tempo passa, o povo deve conhecer os seus direitos mais do que nunca, especialmente no que se refere à liberdade de exercer a religião. Munidos de uma compreensão adequada da rica tradição de liberdade religiosa em seu país, é possível proteger a fé em qualquer crise que surgir no caminho. No entanto, sem essa compreensão, o povo assistirá a erosão da liberdade religiosa pela rastejante era secular.

Em seu novo livro, ‘Liberdade Religiosa em Crise’, Ken Starr explora as crises que ameaçam a liberdade religiosa na América. Ele também examina as maneiras pelas quais uma ação governamental bem-intencionada às vezes prejudica a liberdade religiosa do povo e como a Suprema Corte dos EUA, no passado, forneceu proteção contra tais formas de exagero do governo. Ele também explora as possibilidades de alcance futuro por parte de funcionários do governo.

Starr explica como cada cristão pode resistir à quarentena da fé dentro dos limites da lei e por que essa resistência é importante. Ao obter uma compreensão profunda da importância constitucional da expressão religiosa, Starr convida o leitor a participar da proteção dos direitos da liberdade religiosa e a assumir um papel mais ativo no avanço da causa da liberdade.

O autor

Liberdade Religiosa em Crise: exercitando sua fé em uma época de incertezas
Juiz Ken Starr | Foto: Berkley Center

O juiz Ken Starr foi presidente da Baylor University de 2010 a 2016, onde também foi chanceler, membro do corpo docente da Baylor Law School e ocupou a cadeira Louise L. Morrison de Direito Constitucional. Starr defendeu 36 casos perante a Suprema Corte dos Estados Unidos, incluindo 25 casos durante seu serviço como procurador-geral dos Estados Unidos. Starr foi nomeado advogado independente em cinco investigações.

É autor de mais de 25 publicações, incluindo First Between Equals: The Supreme Court in American Life (2002). Obteve seu B.A. pela George Washington University em 1968; M.A. pela Brown University em 1969 e J.D. pela Duke University Law School em 1973. Ele é admitido para exercer a profissão na Califórnia, no Distrito de Columbia, Virgínia e na Suprema Corte dos EUA.

O juiz Starr também fez parte do Projeto Cristianismo e Liberdade liderado pelo Projeto de Liberdade Religiosa do Berkley Center.

Com informações de CBNNews e Berkley Center for Religion, Peace & World Affairs

DEIXE UM COMENTÁRIO
Siga Seara News no Twitter, no Facebook e Instagram
“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo
- Publicidade -

LEIA TAMBÉM

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -
www.AutoPECAS-online.Pt

LEIA TAMBÉM