Intolerância religiosa contra cristãos

0
103

Observatório europeu apresenta relatório com 241 casos de intolerância religiosa contra cristãos ocorridos em 2013 no continente

Intolerância religiosa contra cristãosO Observatório de Intolerância e Discriminação contra Cristãos na Europa divulgou no dia 15 de maio o Relatório 2013, com 53 páginas onde são relatados 241 casos de intolerância contra cristãos na Europa. Os casos apresentados são documentados individualmente.

O Observatório é uma entidade não governamental sediada na Áustria, que monitora e cataloga os casos de intolerância na Europa. O foco do orgão é monitorar toda a União Europeia, países candidatos à adesão e outros territórios ligados à Europa. A entidade observa tanto os casos que são veiculados na mídia, quanto os casos reportados pessoalmente a eles. O objetivo deles é levar pessoas discriminadas a contarem abertamente os seus casos.

Os dados que o Relatório 2013 apresenta sugerem que os incidentes relacionados com o ódio contra os cristãos na Europa estão aumentando, e que um canal para isto tem sido as mídias sociais, pois em 15 casos registrados em seis países ocorreram postagens reconhecidas como preconceituosas, intolerantes, ou até antissociais. Considerando esta preocupante realidade, o documento traz orientações aos governos, instituições internacionais e aos próprios indivíduos em suas diferentes profissões para que estas violações sejam evitadas.

De acordo com a diretora do Observatório, a Dra. Gudrun Kugler, a secularização da sociedade europeia, tem contribuído cada vez mais para um menor espaço para o cristianismo e a fé. "Alguns governos e líderes da sociedade civil buscam excluir em vez de acomodar o cristianismo, e inúmeros casos de intolerância contra os cristãos nos são relatados. Ao pesquisar, documentar e publicar estes casos, esperamos que haja conscientização, que é o primeiro passo para uma solução”, afirma Kugler.

A intolerância apresentada no relatório está organizada por categorias, como: intolerância no direito e na política, e intolerância nas artes e na mídia. Casos de depredações também são relatados, e o Observatório já documentou 133 casos de vandalismo contra locais de culto cristãos em 11 países, o que é uma quantidade alarmante.

A Intolerância contra os cristãos no direito e na política ocorre principalmente no que diz respeito às limitações de objeção de consciência, a contenção da liberdade de expressão pela legislação, discurso de ódio, políticas de igualdade discriminatórias e a limitação dos direitos dos pais na área da educação sexual, bem como na área da liberdade de reunião. O relatório do ano passado publicou 41 leis em 14 países europeus que impedem o livre exercício da fé para os cristãos.

O Relatório pode ser visto na íntegra em inglês neste link. Outros 1.300 casos documentados podem ser encontrados aqui.

Fonte: Assessoria de Imprensa – ANAJURE

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome