Interpretação Bíblica: Qual a melhor ferramenta?
Interpretação Bíblica | Foto Ilustrativa

Somente quem já precisou fazer algum tipo de conserto, conhece o valor de uma boa ferramenta.

Em se tratando de interpretação bíblica não é muito diferente, pois, é comum entre pastores, pregadores, teólogos e outros estudantes do Livro dos livros, se ouvir a pergunta: “Que ferramenta de interpretação bíblica usar?”

Existem diversos métodos que podem ser empregados no estudo da Palavra de Deus.

É paradoxal que a Bíblia Sagrada que simplesmente oferece fácil acesso e entendimento para quem tem pouca cultura, também por sua complexidade e profundidade já serviu e serve para muitas teses de doutorado. Por isso, considero que, assim como para toda arte e ciência existem ferramentas próprias para facilitar a execução dos trabalhos, para o estudo das Escrituras Sagradas não pode ser diferente.

Confusão, erros e desvios doutrinários acontecem com certa frequência por falta de conhecimento ou de intimidade com a ferramenta específica para a correta interpretação bíblica.

A ferramenta mais poderosa de interpretação Bíblica ainda é o Espírito Santo!

As vezes o texto bíblico está posto de uma forma simples e clara como as águas cristalinas, não tendo nada que o mais leigo dos leitores não consiga entender.

Mas, ainda assim, há quem exporte para as Letras Sagradas sentidos que ela não possui, especulando o cânon e criando dogmas de acordo com sua própria espiritualidade, crença e concepção de mundo.

Se cercar de livros, conquistar títulos, colecionar anéis de formaturas, ser escritor e conferencista, tudo isso é bom e deve ser buscado, mas nada disso nos colocará acima do bem e do mal. Nada disso nos tornará absolutos em nossas interpretações bíblicas.

É preciso se despir de vaidades e se desarmar para mergulhar nos rios de Deus.

Quase sempre os reformadores estavam sozinhos em suas interpretações acerca de vários textos da Bíblia Sagrada.

Lutaram contra todo um Império de teólogos reconhecidos pela sociedade cristã da época.

Por essa razão foram escarnecidos, ridicularizados e perseguidos.

Fique atento!

R.A.

DEIXE UM COMENTÁRIO_____________________________
Siga Seara News no Twitter, no Facebook e Instagram
“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo”

1 COMENTÁRIO

  1. Interessante!! Por que Paulo pregou outro evangelho? Jesus de Nazaré e seus discípulos outro? Por que Paulo mandou esquecer as doutrinas de Jesus de Nazaré? Por que houve dissensão e briga quando Paulo trouxe o novo evangelho do 3° céu? Por que os discípulos queriam matar Paulo? Um pouco de fermento leveda toda massa, Paulo tem o evangelho para os gentios, vc é gentios? Paulo disse que ele colocou o fundamento, e outro seria o construtor, hoje o que se vê é Assembleia de Deus, e outros pregando de tudo e ainda mentindo, enganando e prostituindo a palavra de Deus, o verdadeiro Evangelho está nas cartas de Paulo, realmente tem que ter discernimento, e Deus sempre usou um homem para abrir os olhos. Hoje se vc está em qualquer igreja chamada evangélica vc está em prostituição. A lei de Moisés já passou, isso foi antes da cruz! Há um novo pacto com Jesus depois da cruz. Então, vc está no evangelho antes da Cruz ou depois da Cruz? Se estiver antes da Cruz, vc está em qualquer igreja evangélica. Se vc está depois da Cruz, está vivendo em graça, Aba Pai! Paulo tem a palavra, e o evangelho da graça tem o discernimento pra vc.

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui