Igreja Perseguida: ‘Vamos ajoelhar e orar’

0
69

"Mas eu lhes digo: Amem os seus inimigos e orem por aqueles que os perseguem" (Mateus 5.44).

Igreja Perseguida: 'Vamos ajoelhar e orar’

Dr. Paul Negrut, também pastor, foi visitar seu velho amigo Trian Dors em sua humilde casa. Quando entrou, Paul percebeu que Trian estava sangrando por conta de feridas abertas. Ele perguntou: "O que aconteceu?" Trian respondeu: "A polícia secreta acabou de sair daqui. Eles confiscaram meus manuscritos e me bateram".

Paul disse: "Eu comecei a reclamar sobre as táticas pesadas da polícia secreta. Mas Trian me parou dizendo: 'Vamos ajoelhar e orar’. Ele se ajoelhou e orou pelos policiais, pedindo a Deus para abençoá-los e salvá-los. Ele disse a Deus o quanto os amava: 'Deus, se eles vão voltar nos próximos dias, eu oro para que o Senhor me prepare para ministrar a eles…’”.

Trian Dors então compartilhou com Paul como a polícia secreta viera à sua casa regularmente por vários anos. Espancavam-no duas vezes por semana. Depois da surra, Dors olhava nos olhos do oficial encarregado e dizia: "Senhor Deus, eu te amo".

Anos mais tarde, esse mesmo oficial foi sozinho à sua casa uma noite. Dors se preparou para outra surra. Mas o oficial falou gentilmente: "Sr. Dors, eu vim hoje para pedir desculpas pelo que eu fiz a você, e para dizer-lhe que seu amor mudou o meu coração, e eu pedi a Cristo para me salvar. Dois dias atrás, o médico descobriu que eu tenho um caso grave de câncer, e apenas algumas semanas de vida. Eu vim para dizer-lhe que um dia estaremos juntos no céu".

Pedido de oração:

– Ore para que as atitudes de Trian Dors e de outros cristãos perseguidos sejam usadas por Deus como testemunho e evangelização daqueles que perseguem a Igreja. Peça para que nossos irmãos que sofrem por causa de sua fé sejam encorajados a agir com bondade e misericórdia com seus agressores, abençoando-os mesmo quando são oprimidos.

Fonte: Portas Abertas

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome