Filhos? Ah, se eu soubesse!!
Crianças | Foto: Ilustrativa / Pixabay

Gary Chapman e Shannon Warden ensinam tudo o que você precisa saber sobre a incrível jornada que é a paternidade

Por Fernanda Baruffaldi

Com a gravidez chegam inúmeras dúvidas e um turbilhão de emoções. A ideia de trazer a vida e criar filhos pode ser bastante aflitiva, afinal logo à frente está o futuro, algo desconhecido, mas, que pode ser bem encarado com conhecimento. Em “Ah, se eu soubesse! Coisas que aprendi só depois de ter filhos”, publicado pela Editora Mundo Cristão, Gary Chapman e Shannon Warden apresentam orientações e dicas práticas para quem está se preparando para ter filhos ou já tem crianças pequenas.

Com uma boa dose de realidade escrita de forma didática e agradável de ler, Chapman e Warden, autoridades em aconselhamento familiar, apontam temas essenciais relacionados à nova dinâmica da casa e ao desenvolvimento dos filhos.

Separamos algumas dicas fundamentais que os papais e mamães poderão aprender em “Ah, se eu soubesse!”

Ter um bebê e cuidar de um bebê são coisas muito diferentes

Após o nascimento da criança absolutamente tudo na rotina do casal será alterado. Desde a amamentação, que não é tão fácil quanto parece (há várias questões envolvidas que merecem atenção e esclarecimento do casal), passando pela troca de fraldas, chegando até o tempo disponível que os pais devem ter para estimular o amor e desenvolvimento pessoal e emocional dos filhos, com histórias e brincadeiras.

Filhos custam caro

Provavelmente não passa pela cabeça de muitos pais considerar os custos dos próximos anos, pré-escola, ensino fundamental, ensino médio e faculdade de medicina. Mas deve-se levar em conta que filhos custam caro. Uma pesquisa realizada nos Estados Unidos pelo Centro de Política e Promoção Nutricional do Departamento de Agricultura estimou que para uma família de classe média o custo de um filho, desde o nascimento até os 17 anos, é de aproximadamente 250 mil dólares. Este fato não é para desanimar, porque a vida é para ser vivida um dia de cada vez. A questão é que como pais buscamos sempre dar o melhor, mas é preciso ter bom senso. Quando os gastos forem maiores do que os ganhos, será necessário ajustar o orçamento. Aliás, programe-se para ter sempre uma reserva para eventuais emergências.

Saúde emocional da criança é tão importante quanto a física

A saúde emocional e a saúde física são os dois trilhos sobre os quais o trem dos pais deve andar. Ambas são necessárias para se criar filhos saudáveis e responsáveis. Alguns pais prestam pouca atenção às necessidades emocionais de seus filhos. Em “Ah, se eu soubesse”, Gary Chapman e Shannon Warden discorrem sobre a Teoria do Apego de John Bowlby e a teoria do desenvolvimento psicossocial, proposta por Erik Erikson. Você se surpreenderá com as descobertas que a leitura te trará.

O casamento não funciona no piloto automático

O relacionamento não prospera em piloto automático depois do nascimento do bebê. Tudo começa com o reconhecimento de que as coisas mudam quando se tem um filho. Não será mais possível fazer as mesmas coisas que se fazia antes, aquele “tempo livre” de outrora vai diminuir drasticamente. Entretanto, não caiam no erro de pensar: “Não temos mais tempo para nós dois”. Sem dúvida há maneiras de suprir as necessidades do bebê e prestar atenção um ao outro. Afinal, os casais vêm fazendo isso há milhares de anos. Mantenham a comunicação, resolvam os conflitos, flertem entre si e estimulem o casamento!

Continuem aprendendo com a obra Ah, se eu soubesse. Se você se concentrar na alegria que os filhos trazem e fizer o melhor a cada dia, a alegria será a sua eterna companheira.

Gary Chapman

Filhos? Ah, se eu soubesse!!
Gary Chapman e Shannon Warden dão algumas dicas fundamentais que os papais e mamães poderão aprender em “Ah, se eu soubesse!”

Desde a década 1970, o Dr. Gary Chapman vem investindo no estudo de como potencializar a alegria, satisfação e compreensão quando se trata de relacionamento humano. Autor do celebrado best-seller “As cinco linguagens do amor”, traduzido para 32 idiomas, Chapman acredita que “o amor não depende exclusivamente das emoções. Amor é o que você faz e diz, não apenas o que você sente”.

Há décadas, Chapman, o “Doutor Casamento”, viaja pelo mundo desafiando casais a buscar saúde emocional para seu casamento e tem impactado multidões com seus livros inspirativos. O portfólio do autor inclui também livros direcionados para os solteiros, homens casados e pais de crianças e adolescentes. Ele já escreveu mais de 30 livros, todos sobre relacionamento afetivo, o que faz de Chapman um dos maiores nomes no gênero.

Casado há mais de 45 anos com Karolyn, tem dois filhos adultos e atualmente vive em Winston-Salem, Carolina do Norte (EUA), onde serve como pastor sênior associado na Calvary Baptist Church.

Ficha técnica:
– ISBN: 978-85-433-0284-3
– Páginas: 192
– Formato: 14 X 21
– Categoria: Família

Fonte: LC – Agência de Comunicação

DEIXE UM COMENTÁRIO
Siga Seara News no Twitter, no Facebook e Instagram
“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo”
.
Seara News 25 anos

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui