Filha de missionários brasileiros é brutalmente assassinada em Angola
Yelissa Mendes (24), estava concluindo o curso de Literatura Inglesa pelo Instituto Superior de Ciências da Educação (ISCED) e era professora de inglês | Foto: Reprodução

Yelissa foi brutalmente assassinada na noite desta sexta-feira (30), nos arredores de Huambo, Angola.

Yelissa Mendes tinha 24 anos de idade, estava concluindo o curso de Literatura Inglesa pelo Instituto Superior de Ciências da Educação (ISCED) e era professora de inglês.

A jovem, filha mais nova do casal de missionários Ismael e Sibeli Mendes Ferreira, que moram no país há quase 30 anos, sendo fundadores e líderes da base da Jocum de Huambo, em Angola.

De acordo com o site da Agência Angola Press (ANGOP), uma fonte familiar informou que por volta das 20h40 desta sexta-feira (30), Yelissa enviou mensagem à família a comunicando que, apesar de ter saído cedo do serviço, chegaria mais tarde em casa, por ter sido convidada pelo ex-namorado que pretendia liquidar uma dívida financeira.

A ANGOP informa que, segundo a fonte, na mensagem, a jovem explica que a dívida devia ser paga no bairro do Cambiote, que fica oito quilômetros da cidade de Huambo e, tendo desligado o telefone, deixou preocupada a família.

O corpo da vítima foi encontrado por detrás de umas árvores, nas proximidades da floresta do Sacahla, arredores da cidade do Huambo, e o seu carro foi encontrado no interior da Lagoa do R21, a uma distância de 10 quilômetros do local do crime.

Consternação

Através das redes sociais e aplicativos de mensagens amigos se manifestam consternados e pedem orações pela família diante desse momento de intensa dor.

“Oremos pela família dos líderes da base da Jocum / Huambo em Angola Ismael Mendes Ferreira e Sibele, que perderam sua filha mais nova de 24 anos de idade de uma forma brutal (assassinada). Ismael e Sibele já moram em Angola Há 29 anos e fizeram parte da equipe de fundadores da Jocum Angola. Oremos por todos! Que o espírito Santo console a todos!” (Jocum Huambo)

Polícia

O porta-voz da Polícia Nacional na província do Huambo, inspector-chefe Paulo Chindele Cassinda, disse tratar-se de um crime de homicídio qualificado, sob a forma consumada, sendo que o corpo da jovem foi encontrado pela manhã neste local.

O oficial informou que o ex-namorado, suspeito do crime, encontra-se sob custódia das autoridades policiais, enquanto decorre a instauração do processo-crime para, posteriormente, remetê-lo ao Ministério Público.

Contudo, o inspector-chefe Paulo Chindele Cassinda apelou à população no sentido de denunciar indícios criminais, quer na família, como na comunidade, para evitar que situações do gênero aconteçam considerando que as autoridades estão empenhadas na moralização da sociedade.

Nesse momento de profunda tristeza, a equipe Seara News se solidariza com a família e manifesta profundos sentimentos de pesar, pedindo que Deus conforte os corações enlutados.

Com informações de ANGOP
DEIXE UM COMENTÁRIO_____________________________
Siga Seara News no Twitter, no Facebook e Instagram
“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo”

6 COMENTÁRIOS

  1. É um caso de feminicídio.
    O ex namorado a matou para não ter de pagar a dívida. Está na hora de Angola discutir sobre crimes contra as mulheres: estupros e as mortes de mulheres assassinadas por homens.

  2. Somos gratos ao NOSSO SENHOR JESUS CRISTO, por sermos participantes do mesmo corpo de glorificação. O NOSSO SENHOR JESUS, quer-nos alegres por testemunhar bênçãos recebidas ou retiradas (por amor a CRISTO ). ASSIM SÃO OS VERDADEIROS ADORADORES. AMÉM! MEUS SINCEROS SENTIMENTOS AOS FORTES PAIS, QUE ASSIM FICARAM NA CONTINUAÇÃO DE SUA ELEITA MISSÃO.

  3. Estamos passando por tempos difíceis, mas aqueles que creem verdadeiramente nas palavras de Cristo, tem conhecimento que estes dias de angústia e dor que estamos vivendo, o nosso consolador é Cristo, a nossa fé tem que ser firme em Cristo Jesus.

  4. Algumas pessoas não entenderam a matéria ou talvez nem mesmo tenha lido a matéria completa. A jovem não foi assassinada por perseguição religiosa, ela foi assassinada pelo ex-namorado. Caso típico de feminicídio, ou seja, mais uma mulher vítima de um homem covarde.

  5. Ao meus amigos e irmãos Ismael e Sibele, meus e nossos profundos sentimentos de uma grande perda de sua querida filha. Nossas condolências. E que o Senhor Jesus seja e esteja convosco todos os momentos, Paulo e Diane Moreira

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui