Equador: Testemunho do evangelho em meio à religiosidade

0
169

Equador: Testemunho do evangelho em meio à religiosidade

Faz pouco mais de um ano que estou aqui no Equador e já não posso mais contar as muitas bênçãos do Senhor.

Estamos avançando agora para as cidades de San Vicente e Bahía de Caraquez. Com cinco lares estudando a Palavra de Deus, temos um total de 10 pessoas. Aqui havia uma igreja batista que está fechada, e fomos convidados para reabri-la. Estou trabalhando com a ajuda do casal Ramón e Elisa, e da senhora Mila, que nos ajudam com os estudos e visitas.

Eu nunca encontrei pessoas tão religiosas como nesse lugar, com gente apegada a suas tradições e com muitas superstições. Você não pode imaginar o quanto isso é forte aqui.

Em um dos últimos estudos que fiz, ao entrar na casa de uma senhora, ela tinha colocado uma santa enorme no meio da sala, com velas acesas e incenso.

Entrei e segui o estudo procurando não dar importância para a santa ali, mas a senhora me interrompeu, o que me revelou que a santa não estava ali por acaso. Perguntou-me por que eu não adorava a santa, por que não pedia proteção para ela interceder junto a Deus por mim.

Agradeci ao Senhor pela oportunidade, e então lhe mostrei os Dez Mandamentos, pedindo que os lesse e explicando versículo por versículo.

No final, a senhora me abraçou, e senti que o Espírito Santo falou grandemente ao seu coração. Ela me disse que sentia muita dificuldade para crer e pediu que eu orasse por ela, pois queria crer.

Continuo estudando com ela, o que é uma luta muito grande, não contra os anos de idolatria, não contra suas tradições, mas contra quem a aprisionou com suas mentiras e enganos, o inimigo de nossas almas. A certeza do agir de Deus em seu coração tem me renovado a cada dia e me dado alegrias.

Temos trabalhado aqui na província de Manabí dia a dia, de cidade em cidade, e agora com a possibilidade de vivermos em San Vicente e Bahía de Caraquez para nos dedicarmos lá em tempo integral e reabrirmos a igreja batista que há muito tempo está fechada. Continuamos apoiando o trabalho em Manta e por toda a região de Manabí, com o projeto de plantadores de igrejas, discipulado e escola bíblica.

Agradeço muito seu apoio, orações, sustento e carinho que recebo. Tenho orado por todos, suplicando as mais ricas bênçãos do Senhor sobre sua vida.

Marta do Carmo
missionária no Equador

Fonte: JMM

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome