Dilma em queda livre: A copa seria uma alavanca para a reeleição

0
13

A copa do mundo poderia ser uma alavanca importante para a reeleição de Dilma Rousseff

Política: Dilma em queda livre

Por Robson Aguiar

Seria um momento oportuno para explorar a imagem da presidente Dilma indo aos estádios e discursando, mas, em tempos de roubalheiras e tanta corrupção, da volta da infração, e de tributos altíssimos e injustificáveis, a ordem do planalto é para evitar filmar Dilma, pois, é vaiada toda vez que aparece em público onde se encontra aglomerações de pessoas, e isso lhe custa caro, pois o termômetro de sua popularidade cai ponto a ponto.

Situação atípica e vexatória, inusitada para a anfitriã de uma Copa do Mundo, onde teoricamente as pessoas deveriam está extasiadas e alheias aos “pequenos” problemas da nação, entretanto, o que se vê, é um povo que festeja e protesta concomitantemente, até parece que a Copa do Mundo tem a ver com reclamações.

Não sou favorável a xingamentos e palavrões, não compactuo e nem tenho em meu vocabulário tais expressões, mas, não me surpreendo com os insurgentes que se manifestam dessa forma, pois, no Brasil do samba, do carnaval, e da cultura da sensualidade e da nudez, isso já não escandaliza tanto, embora, em particular vou continuar reprovando essa postura. Quanto aos protestos, sou favorável e acho que tem que continuar sim.

Não sei se Eduardo Campos, pastor Everaldo ou Aécio Neves chegando ao Planalto, se farão diferente do que Dilma e o PT têm feito, mas, se não fizerem, nós protestaremos e mudaremos novamente, é assim que tem que ser, o que não dá mais é para aceitar essa ditadura vermelha que está se estabelecendo no País, é ver essa carga tributária sufocando o povo brasileiro, ver o leque da corrupção alcançando todos os poderes instituídos, por essa razão, o povo vaia, não é nada contra a pessoa da presidenta, e sim, contra o governo que ela representa.

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome