Cristão egípcio é sequestrado e morto por grupo radical na Líbia
Interceda pela mãe e pelos irmãos do cristão egípcio sequestrado e morto por extremistas islâmicos

O egípcio seguidor de Jesus trabalhava na Líbia para sustentar mãe e irmãos

Em locais onde os princípios islâmicos são radicais, os cristãos enfrentam maior perseguição. Eles podem ser alvos de extremistas em casos de sequestros e até morte, caso não neguem seguir a Jesus. O egípcio Romany Adly foi morto na Líbia. Desde 2014, ele trabalhava no país para sustentar a mãe e os irmãos.

Todos os dias, o cristão costumava entrar em contato com os familiares, porém a comunicação parou. Então, a família acionou as autoridades líbias para entender o que estava acontecendo. Depois de dois meses, o governo líbio informou que Adly foi sequestrado por um grupo radical islâmico. Ele foi torturado para deixar de seguir a Cristo, mas como não renunciou à fé, foi enforcado.

No dia 19 de março de 2020, o corpo do cristão voltou para o Egito. Ele foi enterrado no cemitério da aldeia de Shamiya, na província de Assiut no dia seguinte. A Líbia é o 4º país mais perigoso para os seguidores de Jesus, garante a Lista Mundial da Perseguição 2020. A opressão islâmica, o antagonismo étnico, a corrupção e o crime organizado foram os causadores do aumento da violência no país. 

Covid-19 na Líbia

O território vive dias complicados por estar imerso em uma guerra civil. Com a possibilidade da chegada da Covid-19 na região, o clima fica mais tenso. Já que as faltas de alimentos e assistência médica colocam toda uma população em mais vulnerabilidade ao coronavírus.

Os cidadãos não têm direção quanto às medidas que precisam tomar para se protegerem do contágio. Os cristãos que já ficam isolados, passam por mais exclusão. Interceda pelos cristãos líbios na luta contra a Covid-19.

Pedidos de oração

– Interceda pelos familiares de Romany Adly, para que eles sejam consolados por Deus. Peça que o Senhor também supra as necessidades materiais, emocionais e físicas de cada integrante.

– Ore pelos cristãos que estão em poder de grupos islâmicos. Que eles tenham paz e sejam libertos, e que mesmo presos, testemunhem o amor de Jesus.

– Clame para que os integrantes dos grupos radicais tenham os intentos frustrados e encontrem a Cristo. Para que ao invés de perseguirem os cristãos, se juntem na propagação do evangelho.


Seara News 25 anosSiga Seara News no Twitter, no Facebook e Instagram“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo”

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui