Brasil na era Bolsonaro
Congresso Nacional, Brasília – DF | Foto: Reprodução

Na história do Brasil, nunca se viu um Presidente ser tão criticado, tanto pela imprensa, quanto pelo Congresso, Senado e grande parte de alguns segmentos da sociedade.

Bolsonaro deseja veementemente o crescimento do país de forma sustentável e equilibrada – isso é ponto pacífico. Para tanto, dentre outras medidas, nomeou técnicos para ocupar as pastas dos ministérios, os quais vêm desempenhando um trabalho digno de aplausos, diferentemente de gestões anteriores que loteavam os ministérios pelos partidos políticos, num verdadeiro balcão de negócios escusos, cujos reflexos foram as inúmeras operações da Polícia Federal, sendo a Lava Jato a mais famosa dentre elas.

Esses ardis políticos emperravam o progresso de nossa nação, posto que atendiam tão somente os interesses particulares dos politiqueiros de plantão, e de grandes conglomerados empresariais em seus vários segmentos, notadamente as empreiteiras.

Não havia preocupação com a qualidade dos serviços prestados, com a infraestrutura urbana, com a logística eficiente, com a justiça social, enfim, com a qualidade de vida da grande massa brasileira; os únicos interesses eram os particulares em sua grande maioria.

Bolsonaro, ao cortar verbas destinadas aos conglomerados da mídia, despertou não só a antipatia, mas o ódio desenfreado, e vem sofrendo ataques numa verdadeira campanha sem escrúpulos, contra seu governo e sua família.

O Congresso e o Senado Federal estão desnorteados sem as históricas negociatas, e nessa condição, acusam, criticam e igualmente atacam o presidente, procurando de todas as formas sabotar as ações do Executivo e retornar ao antigo modelo viciado e apócrifo. O dinheiro minguou, e trouxe a reboque a redução drástica nos casos de corrupção, que havia bem pouco tempo pipocavam a todo instante.

Outro segmento que não se afina com a atual gestão presidencial é o artístico, ou parte dele, os quais sempre foram privilegiados ao longo dos anos. Beneficiados que foram pela Lei Rouanet, em detrimento de grande parte de outros artistas que jamais tiveram acesso a tais recursos.

Algumas ONG´s gritam igual e desesperadamente, a exemplo de movimentos, tais como o MST, que sem recursos públicos, agora precisam trabalhar, produzir e gerar riqueza, colaborando para o desenvolvimento do País. Aliás, como acontece com milhões de brasileiros, que acordam cedo, dormem tarde, e trabalham incansavelmente para viver de forma digna e honrada.

O corte de verbas, a negativa em realizar negociatas, o não loteamento de ministérios pelos partidos políticos, a seriedade, sobriedade, honestidade e responsabilidade com o dinheiro público, tudo isso foi demais para alguns que estavam acostumados a viver à sombra do Estado, e que sempre se beneficiaram da condição de ser amigos do rei, em detrimento dos interesses coletivos. 

Bolsonaro é a resposta de oração de um povo que clama a Deus por justiça social, melhores condições de vida e oportunidades de acesso a uma vida com o mínimo de dignidade.

Bolsonaro é o antídoto de Deus contra a corrupção e os assaltos aos cofres públicos que impediam o desenvolvimento de nossa nação; é o símbolo de um novo tempo, portanto, continuemos a orar pelo Presidente e pelo seu governo, pois estamos no caminho certo. E que Deus preserve e guarde nosso Presidente, para que não caia na vala comum dos que jamais tiveram compromisso com o povo.

Bolsonaro é instrumento nas mãos de Deus para colocar em ordem o caos político que se instalou no país, para combater as falcatruas, o atraso intelectual nas faculdades por conta das ideologias esquerdistas, estabelecer a harmonia e ampliar a visão do povo, de maneira que reconheça que somos fortes e podemos ser de fato uma grande potência mundial.

Bolsonaro não é perfeito, como ninguém o é, mas representa o desejo da população que trabalha, que produz com o suor no rosto, que luta pela sua família, que preza pelos bons costumes e que, acima de tudo, anseia por dias melhores para todos.

Bolsonaro é projeto de Deus para uma nação que estava doente, doença essa causada pela voracidade de alguns políticos que fizeram fortuna no exercício de seus mandatos, mas que nunca representaram o povo, mas tão somente seus próprios interesses.

Que Deus proteja nosso presidente! Brasil cima de tudo, Deus acima de todos!

A Deus toda a glória! Bendita a nação cujo Deus é o Senhor.


Seara News 25 anosSiga Seara News no Twitter, no Facebook e Instagram“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo”

2 COMENTÁRIOS

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui