O que precisamos saber sobre o chamado profético de Samuel – Subsídio da lição 2 do 4º trimestre de 2019 | Foto: Capa da Lição 3 CPAD

O que precisamos saber sobre o chamado profético de Samuel – Subsídio da lição 3 do 4º trimestre de 2019

Por Prof. Enéias S. Ribeiro

A chamada profética de Samuel – Etimologicamente, o termo profeta não pode ser definido por completo em sua essência, mas é importante saber que o profeta não era visto somente como uma pessoa que transmitia as mensagens do Senhor, mas, era sempre identificado como “homem de Deus”.

Definições salientes referente ao termo profeta vs algumas considerações fundamentais

  • Profeta é aquele que fala antecipadamente ou abertamente;
  • Um proclamador da mensagem divina;
  • Denotava entre os gregos um intérprete dos oráculos dos deuses;
  • Na septuaginta é a tradução da palavra roeh que é igual a vidente (1 Sm 9.9).

No novo testamento, a palavra é usada acerca de:

a) os profetas do AT – Mt 5.12; Mc 6.15; Lc 4.27; Jo 8.52; Rm 11.3;
b) os profetas em geral – Mt 10.41; 21.46; Mc 6.4;
c) João Batista – Mt 21.26; Lc 1.76;
d) os profetas nas igrejas – At 13.1; 15.32; 21.10; 1 Co 12.28,29; 14.29,32,37; Ef 2.20; 3.5; 4.11;
e) Cristo como profeta antes prometido – Jo 1.21; 6.14; 7.40; At 3.22; 7.37;
f) as duas testemunhas que ainda profetizarão como o cronograma escatológico divino – Ap 11.10,18;
g) o poeta cretense Epimenides – Tt 1.12;
g) por metonímia, os escritos dos profetas – Lc 24.27; At 8.28.

Profeta, uma missão árdua e desconfortante

Uma definição mais apurada do termo profeta pode nos levar ao que seria na íntegra a missão profética de um homem escolhido por Deus para lhe representar como porta voz na terra.

Como sabemos, Samuel não foi encontrado nas esquinas, mas foi escolhido a dedo, por Deus, para exercer o ministério que lhe fora confiado.

Talvez esta tenha sido a das mais árduas missões de uma pessoa escolhida para falar em nome do criador. O que dava ainda mais responsabilidade à missão era o fato do profeta não apenas falar em nome de Deus, mas sim o de se tornar um representante do dEle; era como que se o próprio Deus estivesse entre o povo.

Os ministérios de rei, sacerdote e juiz eram todos indispensáveis, no entanto, nenhum deles superava o profético.

As Escrituras deixam claro que o peso maior de responsabilidade estava sobre o profeta, sua missão era falar ao povo o que Deus estava requerendo deles. Não podia haver adulteração na mensagem. O profeta tinha que repassá-la integralmente como recebera de Deus.

Os falsos profetas nos dias de hoje

Vivemos em um tempo onde pessoas da parte da liderança falam mais o que o povo quer ouvir e deixam o que Deus quer falar atrás das cortinas da vaidade e da desobediência.

Estes, portanto, não passam de falsos profetas que querem unicamente satisfazer os seus prazeres luxuosos. Para estes há um juízo reservado.

Inventam profecias em nome de Deus para se tornarem pessoas bem-sucedidas às custas do povo. Fazem da Bíblia uma máquina de dinheiro; além disso, novos métodos estão sendo implantados em alguns templos no afã de atrair multidões, entretanto, estes heréticos métodos não passam de preceitos de homens enganadores que vão enganando e sendo enganados.

Os verdadeiros profetas agradam unicamente a Deus e falam fielmente o que dele recebem

Se por um lado os falsos profetas sobrevivem, por outro temos os verdadeiros que ainda se submetem ao mandato divino.

O profeta verdadeiro:

1) denuncia o pecado ao ar livre, como João Batista e Elias;

2) não teme a morte, como João Batista;

3) não acrescenta palavras suas na profecia de Deus, mas a entrega como recebe; e,

4) denuncia erros contidos nas falsas profecias proferidas pelos falsos profetas como fez Jeremias.

O verdadeiro profeta não se vende

Fiquei estarrecido ao ver no Youtube um canal onde cobravam para ensinar pessoas a falarem em línguas estranhas. Isso é uma aberração e uma tremenda afronta ao poder de Deus revelado pelo Espírito Santo na vida dos salvos em Cristo.

Lamenta-se o fato de existirem líderes religiosos e pregadores que cobram por milagres como se fossem eles mesmos que curassem! Estamos mesmo no fim.

Por outro lado, aqueles que realmente foram escolhidos para profetizarem em nome de Deus, jamais se amoldarão ao sistema deste mundo que jaz no maligno; com agrado ou sem agrado, eles falam o que Deus manda.

Apontamentos pedagógicos para interagir com os alunos

  1. Peça aos seus alunos para citar o nome de pelo menos três profetas que foram perseguidos por falarem o que Deus mandou.
  2. Certifique-se se de fato seus alunos aprenderam o verdadeiro sentido do termo profeta utilizado no antigo e novo testamento.
  3. Peça para que eles citem os dois principais cargos que Samuel exerceu além do de profeta.
  4. Peça ainda para que eles citem as principais pessoas que foram ungidas por Samuel.

Para refletir:
“Se os profetas da atualidade se silenciarem, Deus voltará a se utilizar de galos, jumentos e corvos, se por acaso os três falharem, as pedras clamarão”.

Bibliografia
Dicionário Vine, de W. E. Vine, Merril F. Unger, Willian White Jr.
________________________
DEIXE UM COMENTÁRIO ____________________________
Siga Seara News no Twitter, no Facebook e Instagram
“O primeiro portal cristão no Estado do Espírito Santo”

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui